Lula desabafa em entrevista: ‘Quero ir para casa’

Luiz Inácio Lula da Silva deu uma entrevista para a Veja e confessou que está disposto a apresentar um pedido de detratação à Justiça e assim tentar conseguir a progressão de regime, desta forma ele poderia deixar a sede da Polícia Federal em Curitiba.

Eu quero ir para casa“, desabafou o ex-presidente. Vale ressaltar que atualmente o país está enfrentando falta de vagas no regime semiaberto que é quando o preso passa o dia fora da prisão trabalhando e retorna à noite. Só que quando não há vagas neste caso, o preso acaba indo para o regime aberto, sendo que neste caso basta o detento passar a noite em sua própria casa.

Esse recurso que Lula analisa usar, que é o instrumento da detratação, serve para solicitar à Justiça que abata do total da pena o tempo que ficou preso de forma provisória.

O Superior Tribunal de Justiça condenou o ex-presidente a 8 anos e 10 meses de prisão e há 1 ano ele cumpre pena provisória. Caso a Justiça aceite esta solicitação de Lula, o restante da pena seria inferior a 8 anos de prisão e assim, ele poderia ir direto para o regime semiaberto.

Só que o petista quer, antes de enviar a solicitação à Justiça, que seus advogados lhe garantam que pedindo esta detração, não ficará impedido de continuar lutando para provar que é inocente.

O ex-presidente garantiu à Veja que só fará o pedido caso seus advogados lhe deem total garantia de que não ficará impedido de brigar pelo seu objetivo que é mostrar ao mundo que foi preso injustamente.

Só que o processo do ex-presidente ainda não acabou e tanto existe a possibilidade dele ser absolvido pelo STV como também ter a pena ampliada.

Mulher dá mata-leão em Ladrão, que chora desesperado: ‘Que dor’

Avião cai com 143 pessoas a bordo e momentos de terror são revelados