Marido de Carol Bittencourt será indiciado por homicídio culposo

O marido da modelo Caroline Bittencourt, Jorge Sestini, será indiciado pela Polícia Civil pela morte dela: de acordo com informações do “G1”, o delegado que investiga o caso, Vanderlei Pagliarini, optou por indiciar o empresário por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

No inquérito, a autoridade policial destaca que Jorge, consolado por amigos e familiares na missa de sétimo dia da artista, assumiu o risco ao navegar em condições de mau tempo.

A Polícia Civil decidiu indiciar o marido de Caroline Bittencourt, Jorge Sestini, por homicídio culposo (quando não há intenção de matar). Para o delegado Vanderlei Pagliarini, responsável pelo caso, o empresário assumiu o risco ao navegar com mau tempo.

A decisão foi tomada nesta segunda (6), após ouvir os depoimentos do dono da marina onde estava o barco do casal e do marinheiro que salvou o empresário.

Pagliarini acredita que Sestini arcou com o risco ao decidir navegar mesmo após advertências sobre uma possível tempestade. O delegado acredita que houve conduta negligente.

A advertência foi feita por Lenildo de Oliveira, dono da marina onde o barco do casal estava ancorado. Oliveira contou à polícia que alertou Sestini sobre a mudança do tempo ainda na sexta-feira (26), antes de eles partirem de São Sebastião para passar o fim de semana em Ilhabela.

Mulheres gostam de homens mais velhos? 9 ‘vovôs’ que são mais bonitos que você e dez de você juntos

Testemunha complica vida de marido de Carolina Bittencourt, que agora será indiciado